Pró-Palmeiras - Por nosso alviverde inteiro!

Choque rei
por: Daniel Vasconcellos

Amigos Palmeirenses, as vésperas de mais um clássico, continuamos esperançosos que o Palmeiras vença, e possamos arrancarmos heroicamente em busca de melhores resultados no campeonato!

Mediante tantos problemas que enfrentamos, uma diretoria omissa, covarde, que não ousa em busca de conquistas e que toma “chapéu” de qualquer um, vamos mais uma vez à luta!

Ora, nosso adversário já é conhecido, um clube da rua Leonor, aquele mesmo que fugiu dos gramados, que teve estádio com concessões públicas, e outras coisas que sabemos deste clube sujo da capital… Então, nunca deixe que um simpatizante deste time sujo da zona sul diga enxovalhos a respeito do Nosso Palestra Itália, aliás, este nome é a grande pedra no sapato deles, ou melhor, o grande espinho na garganta deles!

Palestra-Palmeiras

O Amado Palestra Itália surgiu por idealização de quatro bravos jovens italianos, que com apoio das Indústrias Matarazzo fundaram o Clube, começando esta empreitada sem onerar ninguém, e com patrimônio próprio. Já o clubinho de três cores tem uma história confusa, a data de fundação, nem mesmo os dirigentes sabem.

Faliu 5 anos após a dita inauguração por acumulo de dividas, e o que o salvou de uma nova falência foi a fusão em 1938 com o “Estudantes” da Mooca, porém, todos sabem que em 1938, o Nosso Palestra Itália e o timinho da marginal (sem numero) disputaram o famoso “jogo das barricas” (haviam barricas na entrada do Palestra Itália onde os espectadores jogavam dinheiro), para salvar eles de uma nova falência!

jogo das barricasHá relatos que neste jogo, o presidente deles, andava no meio das torcidas adversárias com uma bandeira esticada, para que os torcedores atirassem moedas como forma de ajuda ao bi falido SPFW… Enquanto isso, o Nosso Alviverde já desfilava troféus e taças pelo Brasil, e já éramos várias vezes campeões paulista!

Desde 1920, o Nosso Palestra adquiriu o terreno pertencente à Cia. Antarctica Paulista, onde havia o estádio do Parque da Antarctica, com arquibancadas de madeira…

Em 1933 já tínhamos um dos primeiros estádios de concreto armado do Brasil, e o maior do estado…

Estadio Palestra Italia 1933

Nosso Palmeiras, mesmo na fase difícil e triste em que vivemos não deve baixar a cabeça para estes que não são só nossos rivais, mas, também nossos inimigos! Pois em 1942, com base em um decreto para desapropriação dos bens de alemães, italianos e japoneses, por conta da situação do Brasil na segunda-guerra mundial; eles tentaram tomar esse nosso patrimônio!

“Os corintianos são rivais dos palmeirenses; os são-paulinos, inimigos.”

Eterno Oberdan Cattani

Mesmo mudando o Nosso Nome para Palestra de São Paulo, eles tentaram a todo custo, roubar o nosso estádio, mesmo que não tínhamos mais nenhuma referência italiana no nome, já que “palestra” é uma palavra de origem grega.

Por fim, na semana em que mudamos de nome novamente, de Palestra para Palmeiras, enfrentamos o clubinho da floresta em uma final histórica no Pacaembu, valendo o título de “Campeoníssimo”, e eles, covardes, fugiram saltitantes do gramado com medo de serem massacrados com uma goleada!

4

Palmeirense, o nome do bairro Jardim Leonor, onde o clube colorido está situado, vem do nome da esposa do governador Adhemar de Barros! Pois bem, em 1950, através da Imobiliária Aricanduva que era de propriedade deste senhor, fora conseguido um empréstimo do Governo do Estado (ora, Adhemar era o governador) para se fazer toda a obra na região do Morumbi!

Após este governador bambi ter sido cassado por corrupção, o seu vice Laudo Natel, assumiu o governo do estado, mas, ao mesmo tempo, Natel era Presidente deles, e determinou que os estudantes da rede pública de ensino vendessem carnês chamados “paulistão”, para ajudar a coletar parte do dinheiro para a construção do estádio panetone deles, conseguindo finalmente, de forma suja, o patrimônio de que tanto sonhavam…

Enquanto eles angariavam migalhas, e se serviam de dinheiro público, nosso Palmeiras já viajava a Europa para disputar com times tradicionais como Barcelona, e levava o futebol Brasileiro para ser respeitado pelo mundo!

Em 1951 o Verdão conquistava a Copa Rio, contra a Juventus de Turim.  Desfilávamos de carro aberto pelo Rio de Janeiro já como Campeões Mundiais! E fomos recebidos por um milhão de Palmeirenses no vale do Anhangabaú para a comemoração do título! Algo jamais visto na época, e nunca mais visto no futebol brasileiro!

Comemoração Copa Rio 1951

Vocês sabiam que, o Palmeiras foi o Primeiro Campeão no Morumbi?

Sim, Nosso Brasileiro de 1969!

Brasileiro 1969

Toda essa falcatrua que vemos hoje, em benefício dos gambás, e dos timinhos preferidos da rede Globo, o SPFW se beneficiava na década de 70, a ponto de o governador (também presidente do clube deles) descer de helicóptero em intervalo de final de campeonato para modificar o resultado da partida através da compra da arbitragem!

Desta década de 70 nos gloriamos pelas conquistas envolventes da Nossa Segunda Academia… Eles; louvam a conduta corrupta e antidesportiva até hoje, e constam roubos registrados como “orgulho” no site do próprio clube!

Nós temos prazer em contar a Nossa História, pois todos os Nossos inúmeros Títulos são incontestáveis! E nunca precisamos, ou tivemos ajuda de arbitragem para conseguirmos ganhar alguma coisa, muito pelo contrário, se verificarmos ao longos dos anos, fomos constantemente prejudicados devido à perseguição ás Origens Italianas, mas, nunca se demos por vencidos!

Falam dos Nossos Brasileiros da época da Taça Brasil, dizem que vivemos contando o passado, mas, invejam, nunca disputaram este tipo de competição, pois só entravam os campeões estaduais, e eles não conseguiam a proeza na época…

Taça Brasil

Ah quem diga:

“-Mas, isso já faz tanto tempo…”

Tudo bem, então deixarei de lado muitas coisas que li, e vou citar episódios mais recentes, como em 1989, que o SPFW foi rebaixado para a segunda divisão do Campeonato Paulista, porém, com o apoio dos dirigentes corruptos da FPF, conseguir reversão através do tapetão…

Em 1994, irritados com a supremacia do Nosso Verdão, já Bi-campeão Paulista e Brasileiro no início da década, e início da Gloriosa Era Parmalat; a Diretoria do Bambis mandou esburacar o gramado do Morumbi para impedir que o último jogo do campeonato brasileiro, de entrega de faixas, fosse realizado no estadio…

1994

Esta estirpe de gente não tem moral para falar da Nossa Sociedade Esportiva Palmeiras, que com orgulho ecoamos este nome! Pois eles contam uma história fictícia sobre o clube deles, sentem vergonha (ou não) do próprio passado!

O que se diz soberano; é um clube sem identidade, sem alma, e sem cores, sem história, ao contrário; Nosso Palmeiras, é um clube de Lutas e Glorias! E, sem comparação com esses “modinhas” seguidores deles, temos uma Torcida Apaixonada, Fanática! Que luta pelo Nosso Clube, esteja ele na situação em que estiver!!!

Mancha Protesto CT

Este ano, inauguraremos o Nosso “Terceiro” Estádio Palestra Itália, uma Arena Multi-Uso moderna, em boa localização, com uma ótima estrutura para receber os diversos eventos, condizentes com a pluralidade da nossa nação, e com a grandeza do Povo Palestrino, que abraça a todos, afinal, somos o Time de Todos os Povos!

VAMOS GANHAR PORCO!!!

 



Obs.: As informações e notas desse texto são de responsabilidade do colunista e não refletem necessariamente a opinião do grupo Pró-Palmeiras. Vide código de privacidade em nosso site.

COMPARTILHAR:






arena via pró
Arena via Pró


palmeiras tour
Palmeiras Tour


  • todos direitos reservados © all rights reserved
  • trabalho voluntário para a sociedade esportiva palmeiras 2009 - 2017
  • pelo palmeiras, para o palmeiras, pró-palmeiras
  • desenvolvimento: márcio moradei