Pró-Palmeiras - Por nosso alviverde inteiro!

R 36 - Brasileirão 2016 - Falta 1 ponto, é nóis !
por: Izidoro Lopretto

 

 

Festa no Parque, falta 1 ponto para o título.

 

 

 

 

 

Extasiados palmeirenses viram Dudu jogar muito e levar Verdão a vitória.

 

 

 

 

 

PALMEIRAS 1 X 0 BOTAFOGO

Local: Estádio Palestra Itália, em São Paulo (SP)
Data: 20 de novembro de 2016, domingo
Horário: 17 horas (de Brasília)
Árbitro: Elmo Alves Resende Cunha (GO)
Assistentes: Fabricio Vilarinho da Silva e Bruno Raphael Pires (ambos de GO)
Público: 39.690
Renda: R$ 3.174.042,74
Cartões amarelos: Emerson Silva, Sassá, Fernandes e Joel Carli (Botafogo)
Cartão vermelho: Leandrinho (Botafogo)

GOL:
PALMEIRAS: Dudu, aos 17 minutos do segundo tempo

PALMEIRAS: Jailson; Jean, Yerry Mina (Thiago Martins), Vitor Hugo e Zé Roberto; Tchê Tchê (Gabriel), Moisés e Cleiton Xavier (Alecsandro); Róger Guedes, Dudu e Gabriel Jesus
Técnico: Cuca

BOTAFOGO: Sidão; Alemão (Fernandes) (Leandro), Joel Carli, Emerson Silva e Diogo Barbosa; Emerson Santos, Dudu Cearense (Sassá), Rodrigo Lindoso e Camilo; Neilton e Rodrigo Pimpão
Técnico: Jair Ventura

 

 

Direto da esquina mais famosa do mundo os pitacos do emocionado Izidoro:

 

Apenas três pitacos:

 

1) Palmeiras fez seu dever de casa, nem vou entrar no mérito se jogou bem, quem foi melhor ou pior...

2) Quase minha previsão e opinião deu certo, flamengo é o Rei da baixaria e o cruzeiro só não ganhou porque falhou...

3) Falta apenas um ponto...

 

 

 

 

 

 

Vamos Palmeiras... tá acabando, é nois!!

 

 

#rumoaotitulo

 

 



Obs.: As informações e notas desse texto são de responsabilidade do colunista e não refletem necessariamente a opinião do grupo Pró-Palmeiras. Vide código de privacidade em nosso site.

COMPARTILHAR:






arena via pró
Arena via Pró


palmeiras tour
Palmeiras Tour


  • todos direitos reservados © all rights reserved
  • trabalho voluntário para a sociedade esportiva palmeiras 2009 - 2017
  • pelo palmeiras, para o palmeiras, pró-palmeiras
  • desenvolvimento: márcio moradei