Pró-Palmeiras - Por nosso alviverde inteiro!

Templários da Nobre Causa Perdida
por: Daniel Vasconcellos

Palmeirenses, certamente já ouvimos falar da história dos Cavaleiros Templários, organização de ordem militar de cavalaria que existiu por cerca de dois séculos na Idade Média, com o propósito original de proteger os cristãos que voltaram a fazer a peregrinação a Jerusalém após a sua conquista…

Alguns apaixonados pela história leram mais do que eu e exploram o assunto mais à fundo… Mas, não querendo entrar neste mérito, já passado as comemorações do dia do Nosso Aniversario Centenário, quero apenas fazer um paralelo com o que vejo acontecer nas discussões com os grupos existentes na Nossa Imensa Torcida…

Cavaleiro Savoia

Tenho lido alguns absurdos vindos de torcedores que, defendem esta gestão ridícula em que o Nosso Amado Clube está se sujeitando como se não enxergassem os inúmeros erros, para não dizer burradas, que estes senhores vem cometendo…

Alguns escrevem nas redes sociais como se estivéssemos ostentando dirigentes notáveis e pessoas de grande intelecto… Se “chafurdam” com argumentos vazios em meio ao lamaçal de vergonha e desfavores que se sucederam ao longo desta; que acredito ser a mais pífia diretoria que o Palmeiras já teve…

Parecem esquecerem da negociação nebulosa envolvendo o atacante Barcos, do marketing ridículo e ineficiente com a direção de um gambá, a briga desnecessária com a WTorre, parceiro nosso nos próximos 30 anos… Sem citar a absurda falta de um patrocínio em um ano de Centenário!

Quando questionados não sabem explicar as novelas em todas as negociações, e ainda dizem que se trata de “planejamento”, bela estratégia desta diretoria que toma chapéu de tudo e todos… Cadê o quinto jogador do Grêmio? Cadê o terceiro jogador do Cruzeiro? Sem falar do chapéu mais recente tomado dos bambis no caso Alan Kardec por causa de merreca…

Gostam de escrever nas redes sociais? Então expliquem a saída de graça do Souza, a venda do Henrique, a novela com Patrick Vieira, com Wesley… Os erros no contrato do Luís Felipe… Os contratos longos de Welder, Felipe Menezes, William Matheus… A contratação do Victorino, do Paulo Henrique (que nunca jogou)… Sem falar a novela para a renovação do Gilson Kleina que causou vexame ao Nosso Clube em todos os veículos de mídia!

São discípulos da doutrina Mustafista do “bom e barato” que fizeram das notas oficiais uma rotina e quando a situação explodem somem! Onde estão agora o fantoche Brunoro e o Nobre presidente desta ordem de cavaleiros? Ora, foi para um retiro nas montanhas do leste e voltará com a reforma estatutária? Ou então voltará iluminado com promessas eleitoreiras para todos os problemas do clube; com um convite da caríssima Festa do centenário, ou um contrato assinado por Ronaldinho Gaúcho em mãos?!

Sem R

É como se estes torcedores tivessem feito um voto de lealdade para se tornarem membros de uma organização de cavalaria, e saem religiosamente pelas trilhas das redes sociais em defesa da “Nobre causa perdida”, não negando de forma alguma o nome do atual presidente, como se ele estivesse nos fazendo alguma benfeitoria, ou algum favor…

Queria que estes entendessem que, não estamos em perseguição a ninguém, se este senhor houvesse feito uma ótima gestão como tanto querem mascarar, estaríamos sim, elogiando a sua postura, porém, nitidamente, não há oque enaltecer!

O que se esperar neste, que é o ano do Nosso Centenário?! A festa de aniversario só foi um sucesso nas ruas por conta da paixão da Nossa Torcida, porque a Nossa história não foi respeitada por esses dirigentes malditos! O nosso futebol devia ter sido tratado de forma diferente!

1

Ao contrário dos Cavaleiros Templários, que faziam voto de pobreza e castidade para se tornarem monges, e poderem então sair em defesa de uma causa, que era proteger os Cristãos, estes torcedores são fiéis ao Nobre Herdeiro sem nenhuma causa concreta que justifique tal idolatria…

E quando defendemos nosso ponto de vista, surgem novamente os cavaleiros da “Nobre causa perdida” dizendo que estamos interessados por espaço político, saliento aqui que, qualquer que fosse a nossa posição para com o Clube, oque nos importa é o Palmeiras, é o Nosso Futebol! A Nossa História, Nossos Patrocínios, Nossa Arena! Nossa Vida!

1 (2)

 

“O Palmeiras merece a generosidade daqueles que o servem e não merece a mesquinharia daqueles que o desservem.”

Prof. Belluzzo



Obs.: As informações e notas desse texto são de responsabilidade do colunista e não refletem necessariamente a opinião do grupo Pró-Palmeiras. Vide código de privacidade em nosso site.

COMPARTILHAR:






arena via pró
Arena via Pró


palmeiras tour
Palmeiras Tour


  • todos direitos reservados © all rights reserved
  • trabalho voluntário para a sociedade esportiva palmeiras 2009 - 2017
  • pelo palmeiras, para o palmeiras, pró-palmeiras
  • desenvolvimento: márcio moradei